Vídeo, estuprador e assassino chora ao ser preso e pede o perdão de Deus e aos familiares das vítimas que ele estuprou e matou

16/08/2017

Preso no município de Codajás, no último final de semana, o acusado de estupro e assassinato, Wilson Ferreira Abreu, 37, vulgo"Bodão", foi apresentado nesta terça-feira às 10h00, na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

De acordo com o delegado titular, Juan Valério, o acusado estuprou e matou no último dia 5 de agosto, no bairro do Mauazinho, na Zona Leste de Manaus, a comerciante Ivanilde Pedrosa dos Santos, 52. A vítima foi encontrada sem roupas e com o rosto desfigurado.

Wilson Ferreira arrastou a comerciante de dentro de sua casa até um terreno baldio, onde praticou o estupro e depois golpeou a cabeça de Ivanilde com um aro de caminhão.

Quando soube que era suspeito do crime, "Bodão" fugiu para Codajás, distante 240 quilômetros de Manaus em linha reta.

No entanto, a equipe da DEHS já estava sabendo onde o acusado estava.

Uma mulher de 46 anos, que também já foi ouvida na DEHS, acusa "Bodão" de estuprá-la no dia 16 de julho deste ano, em uma rua do mesmo bairro onde violentou sexualmente e matou a comerciante Ivanilde Pedrosa.

Durante a apresentação de "Bodão" à imprensa, também estava na delegacia a comerciária Carla Suelen Pedrosa, 29, filha mais velha de Ivanilde. Ela gritava o tempo do todo por justiça e chamava o acusado de "monstro", segurando cartazes, juntamente com outros familaires e vizinhos de Ivanilde.

Em um vídeo, "Bodão" assume o crime que vitimou a comerciante Ivanilde. Ele também confessa outros estupros.

No vídeo, o estuprador chora e pede perdão pra Deus e para os familiares das vítimas.

Segundo o delegado Juan Valério, "Bodão" foi indiciado e vai responder na Justiça Comum Estadual, pelos crimes de estupro e homicídio.

O acusado foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM)

Fonte: Portal do Zacarias