vid

30/04/2019

Cinco policiais militares e dois homens suspeitos de pistolagem foram presos numa grande operação, denominada 'Balaiada', desencadeada contra um grupo de extermínio que vinha agindo nas cidades de Aldeias Altas, Caxias e Coelho Neto. Quatro Estão presos em Caxias e um em Aldeias Altas, foco principal dos crimes. Dois deles, os sargentos identificados como Enedino e Nonatão, são apontados como os principais envolvidos. A Função deles seria a de recrutar os pistoleiros para os crimes de encomenda. Enedino, Inclusive, enfrenta vários processos e está afastado das funções de campo, só podendo desenvolver atividade administrativas.