Um trabalhador foi assassinado por engano em Tersina, o acusado é um menor que foi para casa como se nada tivesse acontecido

13/08/2017

O trabalhador autônomo João Paulo Lopes da Silva, 24 anos, foi morto a tiros na noite desse sábado (12) no bairro Torquato Neto IV, na zona Sul de Teresina. As investigações da Delegacia de Homicídios apontam que a vítima foi morta "por engano".

O coordenador da especializada, Francisco Costa, o Baretta, que o principal suspeito do homicídio foi apreendido na manhã deste domingo (13) pela Força Tática da Polícia Militar. Ele foi encontrado em sua casa, na mesma região onde houve o crime. Trata-se do adolescente identificado pelas iniciais I.R.S, conhecido pelo apelido de "palhacinho".

O delegado explica que 'palhacinho' tinha como objetivo matar o dono de um trailer localizado próximo ao local do homicídio.

"Ele queria assassinar o dono de um trailer, de nome Tiago, que ele tentou assaltar .Chegando ao local, confundiu com a vítima. Antes, o autor mandou sua namorada, que também é adolescente, ir ao local e procurar se Tiago se encontrava lá", conta o delegado Baretta.

A Polícia Militar conta que a vítima foi abordada por dois homens que estavam em uma motocicleta e já chegaram atirando em João Paulo.

O adolescente apreendido foi autuado na Central de Flagrantes de Teresina. As investigações da Delegacia de Homicídios continuam.

Fonte:cidadeverde.com