Que novo é esse? Schnneyder leva para o lado dele ex-Waquins que ajudaram a atrasar salários, sucatear o governo e enriqueceram da noite para o dia quando estavam na prefeitura

03/03/2020

A cada dia o discurso de novo e renovação do tenente-coronel Hormann Schnneyder, pré candidato a prefeito de Timon tem caido por terra. Ele tem levado muita gente com vícios politicos e que se locompletaram as custas de recursos públicos

O exemplo mais recente é Carlos Alberto Oliveira, o "Carlão", ex-secretário de finanças e tesoureiro da Prefeitura de Timon na gestão de Socorro Waquim e seu filho, ex-vereador Eduardo Oliveira

Eles agora pertencem ao partido Republicanos, comandado pela advogada Doris, esposa de Schnneyder.

Não custa nada relembrar que Carlão que ostentava riqueza foi um do que aumentou seu patrimonio da noite para o dia e de forma estranha quando o mesmo era secretário de finanças de Timon. Ele participou do governo de Socorro Waquim e contribuiu para o atrasos de salários dos servidores e de desmonte da maquina administrativa.

Já seu filho ex-vereador Eduardo Oliveira em 2008, com o patrocinio do pai que estava no comando da tesouraria da prefeitura, fez uma campanha milionaria e se elegeu vereador, foi um vereador ausente e sem muita atuação e em 2012 foi rejeitado pelo povo e não conseguiu se reeleger

Essa história de novo, de mudança e de renovação está mal contada. Como que é que o pré candidato a prefeito pode prometer isso para povo se está levando para o seu lado velhas raposas da politica Timonense!

Com certeza se o ex-comandante for eleito toda essa turma participará de seu governo e não resta a menor duvida que levarão as mesmas manias e os mesmos vícios.

Ou seja o discurso é um e a pratica é outra. de novo mesmo só promessa.