Mulher passa mal em fila para matricular o filho

09/01/2020

Na Escola Municipal Maria Aristéia, considerada a melhor da rede de ensino público de Bom Jesus, no sul do Estado, a procura por vagas está causando transtornos para pais e familiares. A espera para garantir um lugar para os filhos no local formou uma longa fila na noite de terça-feira (07). Os responsáveis levaram redes, cadeiras e colchões e acamparam em frente à escola na tentativa de efetuar a matrícula de seus filhos. As informações são do portal Ponto X.

Segundo as informações, uma mulher acabou passando mal e ficou por cerca meia hora no chão da escola devido ter sentido fortes dores na coluna. Pessoas que estavam também no local ajudaram no socorro à mulher e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que socorreu a vitima e encaminhou ao Hospital Manoel de Sousa Santos.

Reprodução

Segundo os populares, houve muita reclamação na demora do atendimento, que durou por cerca de trinta minutos. A direção do SAMU de Bom Jesus, informou que, das três ambulâncias da base, duas estão em manutenção e no mesmo horário em que a senhora passou mal, a viatura já estava em atendimento na cidade de Cristino Castro, socorrendo uma mulher em estado grave, que acabou vindo a óbito.

Ainda segundo a direção do SAMU, a central do serviço em Teresina está sabendo que a base está funcionando esses dias apenas com uma ambulância e são várias as ocorrências, até transferência para a capital o SAMU tem realizado devido a falta de ambulância no hospital de Bom Jesus.

Fonte; Meiomorte.com