Governador do MA diz desconhecer autorização que permite treinos fora da capital: "Irei verificar"

30/06/2020

A decisão por sede única para o restante do Campeonato Maranhense 2020, tem sido um calo no pé de alguns times da Série A do estadual. Exceto o Pinheiro, todos os outros clubes do interior do estado (Imperatriz, São José, Juventude e Cordino) votaram contra a decisão de jogar somente em São Luís.

Os treinos a princípio também seriam em sede única. Mas, tem clube de fora da capital que até já marcou data para retorno as atividades, cada um em sua sede.

Comportamento que bate de frente ao pensamento do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), que já havia deixado claro, que a liberação de treinos e jogos de futebol seriam exclusivamente para São Luís. Perguntado se o governo do estado mudou de ideia, Dino diz desconhecer qualquer decisão referente a retomada das atividades fora da capital, e diz que vai procurar justificativas das entidades responsáveis.

- Me comprometo em verificar isso juntamente com a Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (SEDEL) em relação a esse contato com a Federação Maranhense de Futebol (FMF). Eu não acompanhei esta minúcia, referente ao local de jogos de futebol no mês de agosto. Mas vou indagar a SEDEL sobre o nível de diálogo que houve com a federação em relação a isto (treinos e jogos fora da capital) - destacou.

Dino ainda diz que uma "reconsideração" pode ser avaliada e que argumentos técnicos são levados em conta.

- De fato as vezes, as entidades privadas apresentam pedidos de reconsideração, novos argumentos técnicos e isso é levado em conta. Irei analisar especialmente em relação a essa circunstância - afirmou.

Sem acordo com os clubes, a FMF disse que vai acompanhar "o comportamento da pandemia e da manutenção das decisões governamentais" para manter a tabela com as sedes espalhadas pelo estado.

O Campeonato Maranhense deve voltar no dia 5 de agosto e os treinos estão autorizados a serem retomados a partir do dia 6 de julho. Um novo parecer em relação a retomada das atividades fora da capital, deve ser anunciada nos próximos dias pelo governo do estado, juntamente com a FMF e autoridades responsáveis.


Fonte: G E Maranhão