Estudante de medicina, filho de prefeito recebeu auxílio emergencial

24/07/2020

O filho do prefeito de Itarantim, no sudoeste do Bahia, recebeu de forma irregular o auxílio emergencial do Governo Federal. Segundo o site G1, o Ministério Público Federal (MPF) abriu uma investigação

Paulo Silva Vieira afirmou que não sabia que o jovem tinha solicitado o benefício. Ele cursa medicina em uma faculdade particular e a mensalidade custa R$ 7,5 mil.

"Meu filho errou, realmente, quando solicitou [o benefício] sem o conhecimento, sem o consentimento do pai. Mas ele já reparou o erro dele e também se arrependeu", disse o gestor.

Paulo acrescentou que 15 funcionários da prefeitura também receberam o benefício indevidamente, mas já fizeram a devolução.

Fonte: Meionorte.com