Diretoria do Moto evita falar em dispensas, mas garante até cinco reforços para retomada do Estadual

21/05/2020

O Moto intensificou nos últimos dias os ajustes de bastidores para a retomada do futebol no Maranhão. A previsão dada pela Federação Maranhense de Futebol (FMF) de que em julho os treinos devem voltar, fez com que a diretoria definisse alguns pontos importantes sobre o time, mesmo que a divulgação seja mantida sob sigilo.

Para o Campeonato Maranhense, a direção do clube pretende manter boa parte do time que sustentou a liderança e garantiu a classificação antecipada para a semifinal. Algumas dispensas devem ser feitas, mas o clube pretende não tocar no assunto ainda.

- Nossa intenção é mexer o mínimo possível. Estamos nos reunindo já com a comissão técnica para tratar desse assunto e sobre dispensas ainda estamos conversando - disse o supervisor do clube, André Gome

Por outro lado, o mercado abriu de novo e o Moto pretende aproveitar. Cerca de cinco contratações estão "engatilhadas". A zaga central, o meio-campo e o ataque devem ser contemplados com novas peças para a sequência da temporada.

- A nossa ideia é reforçar até três posições, na defesa, no meio-campo e no ataque. Reforçar estes setores, mas manter o máximo possível da equipe que já tínhamos - disse o diretor.

Se a tabela do Campeonato Maranhense for obedecida, como a FMF disse que será, o Moto volta a jogar oficialmente contra o Maranhão, no clássico que encerra a fase classificatória do Estadual. É possível que a competição seja reiniciada em agosto. Sobre o Campeonato Brasileiro Série D, o clube aguarda maiores informações da CBF.

Fonte: G E MARANHÃO