Depois de 17 anos,Tiradentes-PI voltará disputar uma competição profissional

31/08/2020

A Série B do Campeonato Piauiense deve ganhar um novo inscrito na segunda-feira, 31 de agosto. O Tiradentes-PI conseguiu apoio financeiro para bancar o time na Segundona e vai encaminhar um ofício à Federação de Futebol do Piauí (FFP) para formalizar o interesse de participar do torneio - as inscrições terminam no dia 1º de setembro, terça-feira.

O Tigre precisava de um patrocinador para bancar a estrutura do futebol necessária para a competição. Com essa situação resolvida, o clube passou a ter viabilidade para se formar o time, se animou e decidiu entrar no torneio que dá vaga à elite do Campeonato Piauiense.

No clube, segundo apurado junto com dirigentes, há "99% de certeza de jogar". O 1% é mandar o documento à FFP, com as inscrições por e-mail. Somente após a formalização da inscrição na Segundona, o clube vai se posicionar oficialmente.

O movimento para o Amarelão da PM voltar a jogar uma competição profissional ganhou tamanho otimismo que dirigentes estiveram reunidos no sábado para tratar de treinador e elenco. Tudo está encaminhado para o retorno aos gramados - a última vez foi em 2003, também em uma Série B de Piauiense.

A volta do Tiradentes-PI, caso se concretize, tem um valor histórico incalculável. O Tigre, eternizado na memória afetiva do torcedor local, participou cinco vezes da Série A do Brasileirão. Pentacampeão piauiense, o último título foi comemorado em 1990. Em 95, ficou inativo. Nos anos 2000, voltou e se dedicou ao futebol feminino, montando uma equipe destaque no Nordeste que joga a Série A2 do Brasileiro feminino.

A Série B do Piauiense conta com dois times confirmados: Fluminense-PI e Oeirense. Com o Tiradentes-PI , a competição teria um terceiro clube. A FFP programou para 2 de setembro o arbitral para definir tabela e formato da competição. Em 2019, o campeão Picos e o vice Timon-PI subiram de divisão.

Fonte: G E PIAUÍ