Cheguei na casa ela estava só de blusa e toalha, quando então eu ataquei, estuprei e assassinei ela, diz o padastro de Allana

04/11/2017

Suspeito de matar a filha de sua ex-companheira, Robert Serejo Oliveira confessou na tarde deste sábado à polícia que estuprou e em seguida assassinou Alanna Ludmila, de 10 anos.

Em entrevista coletiva, os delegados disseram que Robert revelou ter ido à casa onde estava Alanna já com o intuito de estuprá-la. Ele tinha uma chave e sabia que a criança estava sozinha.

Ao chegar ao local, o acusado encontrou a vítima apenas de toalha e blusa, quando, então, foi atacada, abusada e assassinada.

A polícia agora investiga se o criminoso teve auxílio de outra pessoa. Robert Serejo negou que a mãe de Alanna tenha participado do crime.

Confira no vídeo abaixo o momento em que Robert Serejo é retirado da van na qual pretendia deixar São Luís. Robert chegou a negar que fosse o suspeito procurado pela polícia desde sexta-feira, numa clara tentativa de escapar.