Áudios: "Parece que a oposição está com medo do secretário de planejamento ir na Câmara, por isso não aprovou o requerimento" diz líder do governo.

03/05/2019

Um requerimento verbal apresentado pelo líder do governo, no qual solicitava a ida do secretário de planejamento, Sebastião Carlos, não foi aceito na sessão da última segunda-feira(29), na Câmara Municipal de Timon.

De acordo com o vereador José Carlos Assunção, é muito estranho a posição dos vereadores de oposição de não querer levar o secretário de planejamento, Sebastião Carlos, para prestar esclarecimentos na Câmara Municipal de Timon. Para o líder do governo é uma oportunidade para esclarecer alguns fatos, tendo em vista que os vereadores de oposição falaram tanto do secretário na tribuna e até apresentaram repudio, mas na hora de levar o secretário, não quiseram levar o secretário de planejamento.

No entendimento de José Carlos Assunção  é muito estranho o comportamento dos vereadores de oposição e parece que ficaram com medo

"Eu achei uma das coisas mais estranhas que aconteceu aqui na Câmara, uma oposição que bate, que critica, mas na hora de trazer o secretário para vir aqui para dá esclarecimentos, em audiência publica esses mesmos vereadores recuam" disse José Carlos Assunção

Ouça abaixo a entrevista com o vereador José Carlos Assunção.

Contrario a opinião do líder do governo, o vereador oposicionista Anderson Pêgo afirmou que o vereador José Carlos quis somente tumultuar a sessão ao apresentar o requerimento e mostra que é um desespero da base do governo que hoje mostra que só tem 07 vereadores e a oposição já está chegando a 14 vereadores.

De acordo com Anderso Pêgo o secretário não irá para a Câmara para participar de uma audiência publica.

"Ele não vai vir aqui como pompa de secretário, ele vai vir como réu, como uma pessoa que está sendo acusada por desviu de conduta e de cometer crimes, que é isso que ele está fazendo" disse Anderson Pêgo

Ouça abaixo a entrevista de Anderson Pêgo