A permanência de Uilma Rezende na presidência da Câmara Municipal não é coisa boa 

01/12/2017

Tudo indica que o vereador Uilma Rezende vai permanecer na presidência da Câmara Municipal de Timon por muito mais tempo.

Pelo andar da carruagem o mesmo será reeleito na eleição da mesa diretora que acontece no próximo mês de abril de 2018 e com ele permanece o autoritarismo e medida anti- democráticas   

Permanecerá também a certeza que não teremos de volta a voz da Câmara" transmissões das sessões pelas rádios", não teremos as sessões itinerantes que eram realizadas nos bairros e povoados da zona rural. Ele acabou com esse beneficio conquistados pela população, que foram implantados por outras gestões.

Vai permanecer também algumas irregularidades que já foram denunciadas e o presidente manteve-se em silêncio, dando a entender que quem cala consente 

Também vai continuar as ameaças vindas do presidente durante as sessões. 

Ele tinha tudo para ter somente o atual mandato, mas devido o comportamento de alguns vereadores que fazem parte do até agora G8 que querem o vereador Juarez na presidência as chances de Uilma permanecer por mais tempo na presidência aumentou e olha como aumentou.

Como o grupo oposto não é muito confiável para o governo municipal as articulações aumentaram muito em torno de Uilma Rezende, que de besta não tem nada na surdina já está mexendo os pauzinhos para continuar no poder, o que não é muito bom para a democracia de Timon.

Como muitos vereadores se deliciam com suas obras de caridade sua permanência não é difícil, ou seja é mais facil do que muitos imaginam.