Médico é preso acusado abusar de mulheres que faziam exames para tirar ou renovar a CNH, ele fazia massagens no pescoço e tocava nos seios delas.

21/04/2017

Um médico de 69 anos foi preso em Valparaíso de Goiás, Entorno do DF, suspeito de abusar de mulheres que faziam exames para tirar ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). As vítimas contaram à polícia que Goiá Fonseca Rattes teria as acariciado de forma libidinosa, feito massagens no pescoço e tocado nos seios delas. Tudo ocorreria dentro do consultório dele.

Para não levantar suspeitas, teria dito às mulheres que os toques eram normais e fariam parte do procedimento para a liberação das CNHs. O suspeito foi preso na quinta-feira (20/4), após a denúncia de duas mulheres, de 20 e 43 anos.

O caso está sob investigação da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) da cidade goiana. O homem foi preso preventivamente e vai responder por violação sexual mediante fraude.

De acordo com a delegada Ísis Leal, em depoimento, o suspeito afirmou que as mulheres estão exagerando. "Ele disse que tudo estava relacionado à saúde das pacientes. Divulgamos a foto dele para que mais vítimas possam reconhecê-lo e fazer a denúncia", afirmou a policial.

Fonte Metrópoles