Em menos de 24 horas três mulheres foram assassinadas no Maranhão

26/12/2016

A violência contra a mulher tem aumentado a cada dia no Maranhão,em menos de 24 horas três foram mortas de forma violenta, sendo que duas os autores dos crimes são ex-companheiros

No domingo (25), de Natal um jovem foi assassinada com seis tiros no rosto e na nuca na cidade de Paraibano.                                                                                                                                                                                                              De acordo com informações a jovem(foto abaixo) foi morta no parque de vaquejada, localizado naquele município, o autor do crime se aproximou da vitima e efetuou os disparos.                                                                                                                                                                                                                     O que chamou a atenção foi a audácia do criminoso, ele não se preocu´pou com a presença de muitas pessoas.                                                                                                                                                                                                         Após realizar o crime o homem fugil, ainda não se sabe a motivação do crime

Já na manhã desta segunda-feira(26)mais dois assassinatos, ambos cometidos por homens que não aceitaram o fim do relacionamento e decidiram tirar a vida da ex-companheira.

Na cidade de Imperatriz a bancaria identificada pelo nome de Elizeuda Vieira de Paula Alves, 29 foi assassinada com um disparo de revolver na cabeça, desferido pelo seu ex-marido que não aceitava a separação.                                                                                                                                                                O crime aconteceu por volta das 8: horas da manhã no quarto do Hotel La Belle, localizado na Rua Leôncio Pires Dourado, Bairro Bacuri.                                                                                                                                                          De acordo com informações o casal estava separado  há um mês, na manhã desta segunda Elizeuda(foto abaixo) foi ao Hotel ao encontro do ex-marido, durante a conversa aconteceu uma discursão vindo ele a sacar a arma e matar sua ex-mulher que deixa dois filhos.Após o crime o criminoso fugil

Já Renata Vieira de Carvalho, de 27 anos, foi morta na cidade de Bacabal com golpes de faca no pescoço e no braço, o autor do crime foi o ex-companheiro identificado pelo nome de, Gilmar da Conceição Fraga.

O crime aconteceu por volta das 7:30 na casa da vitima, localizada na rua Raimundo Correa, em frente a Igreja Santa Ana.                                                                                                                                                                                 De acordo com informações de populares o assassino invadiu a casa da vitima para cometer o crime.

Ainda de acordo com informações Gilmar(foto abaixo) que já tem passagens pela polícia, sempre agredia Renata e chegou a ser denunciado pela vitima, ele cumpria medidas protetivas previstas pela Lei Maria da Penha.                                                                                                                                                      Após matar sua ex-companheira o criminoso tentou fugir, mas foi perseguido e agarrado pela população próximo ao Vila São João e entregue à polícia

A vitima que vivia trancada dentro de casa com medo de ser morta deixa quatro filhos

Assista a matéria da TV Mearim sobre o crime em Bacabal