A Policia de Timon ainda não conseguiu elucidar vários crimes,a dor das famílias ainda é muito grande e os assassinos continuam soltos.

11/11/2016

Muitos crimes em Timon apesar de recentes estão caindo no esquecimento e estão entrando para a relação daqueles que estão dando muito trabalho para a policia elucidar os mesmos.                                                                                                                                                                                                                     Como em sua maioria a comoção popular é somente no momento do crime, a tendência é continuar aumentando o esquecimento e entrar na relação dos não elucidados.                                                                                                                                                                                                                                          O cozinhandoogalo.com relacionou alguns assassinatos que aconteceram em Timon, neste ano de 2016.

Entre as vitimas pessoas muito conhecidas na cidade. preso mesmo só as vitimas, pois os assassinos estão soltinhos da vida.                                                                                                                                                                                Não se sabe se isso tem sido proporcionado pela falta de interesse da Policia em solucionar os casos, prendendo os autores dos crime, ou é mesmo falta de estrutura.                                                                                                                                                                                                                                     Além da dor dor da saudade de seu ente querido,as família das vitimas seguem com a sensação da inpunidade e revolta pelo fato dos assassinos estarem soltos.

Crimes não elucidados pela Policia de Timon

Noite de Domino(03/01/2016)O servidor da coordenadoria de Comunicação da Prefeitura de Timon, Edivan Andrade que residia na Rua 100, na cidade de Timon, foi assassinado com um tiro de revolver no bairro Formosa

Ele agonizou agonizou muito antes de morrer, Edivam Andrade era bastante conhecido na cidade de Timon.

A vitima trafegava em uma Moto, na Avenida três, com uma mulher na garupa chegando no bairro Formosa, dois elementos também de moto se aproximarem de Edivam e efetuaram vários disparos de de revólver , os acusados ainda desconhecidos da Policia fugiram em sentido ignorado.

Ele agonizou agonizou muito antes de morrer, Edivam Andrade era bastante conhecido na cidade de Timon.

madrugada, no beco 21 com rua 04, no Loteamento Boa Vista em Timon . As vitimas fatais Jaqueline de Oliveira Marques de 26 anos, assassinada com um tiro na nuca, Miguel Ângelo Assunção, de 32 anos, morto com um tiro na cabeça, Amanda Katiane Oliveira Silva ,de aproximadamente 25 anos foi ferida com um tiro se fingiu de morta.                                                                                                                                                                                                    

As dua vitimais fatais e a pessoas ferida tripulavam na mesma. Na época dos crimes, a policia informou para o Galo que já tinha o nome da pessoa acusada de ter cometido os crimes, mais até esta data não elucidou o caso

Quarta feira(21/09) por volta das 20:30, o adolescente F V R S, de 13 anos e que residia no Beco zero, bairro Fores foi morto por engano, no bar sub 0 drinkes localizado na rua 100.

De acordo com informações repassadas pela policia, através do delegado Joelson da Silva Carvalho, delegado que estava de plantão na noite daquela quarta-feira, o adolescente se encontrava no bar em companhia do pai e de um irmão, quando um carro parou na porta do bar, um elemento desceu e disparou oito tiros contra o garoto que não era o alvo dos bandidos, mais foi morto por engano.                                                                                                                                                                                                                           Levantamentos feito sobre a vida do adolescente constataram que ele tinha bom comportamento e não tinha envolvimento com o crime.

Outros crimes que não foram elucidados e seus assassinos continuam soltos

Sabádo (23/07) um homem que vendia amendoim na cidade foi encontrado morto. O corpo do mesmo foi encontrado por populares em um matagal próximo à Zoonose, localizado na rua 16 entre a rua 90 e rua 100

Tudo leva a crer que o mesmo foi assassinado, pois ele estava todo ensanguentado. O homem era um homem trabalhador e não tinha envolvimento com o mundo do crime e era bastante conhecido em Timon.                                                                                                                         

Manhã de terça-feira(23)Mais um assassinato aconteceu na cidade de Timon e mais um trabalhador tomba morto vitima da violência na cidade.                                                                                                                                                    O crime aconteceu por volta das 6:30hs João Ferreira da Silva,de 63 anos, que residia na rua 08, no bairo São Benedito, foi assassinado com um tiro na cabeça ao reagir um assalto.                                                                                                                                                                                                                     De acordo com informações obtidas pelo galo no local do crime ,a vitima deslocava de sua residência para o trabalho quando foi abordado pois elementos em uma moto. a abordagem aconteceu na rua 08, a mesma rua que João morava. 

Vale relembrar que nem umas das vitimas tinham recursos financieros, ou seja toda pessoas eram pobres financeiramente.                                                                                                                                                                                   Claro que a elucidação dos crimes, com a prisão dos assassinos não ia trazer de volta as vitimas, mais com certeza diminuria a dor dos famíliares. pois tinham certeza que os assassinos seriam punidos.                                                                                                                                                                                  Não custa nada lembrar que as famílias não tem recursos para pagar bons advogados para acompanhar  e cobrar da policia a solução dos crimes.                                                                                                                                             com certeza isso só aumenta as chances de ida para a relação dos casos que ficaram no esquecimento, não serão elucidados e os autores dos crimes ficaram na impunidade.